06/05/2011

Professores decidem manter a greve depois de votar.

Por professor Vicente

SÃO LUÍS – Em assembleia, realizada na tarde desta sexta-feira (6), no Convento das Mercês, os professores da rede estadual de ensino decidiram manter a greve que se arrasta desde o dia 16 de março.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma) recebeu uma nova proposta do governo do Estado, que foi encaminhada para votação da categoria.

Segundo o Sinproesemma, a categoria rejeitou a proposta porque os pontos contemplados não têm datas para serem postos em prática. Apenas um ponto não foi contemplado, que é o reajuste salarial imediato. Segundo o governo do Estado, é impossível garantir essa reposição salariam no momento, já que depende, também, de uma negociação com o Ministério da Educação.

Ponto imporntate que consta na proposta encaminhada pela Secretaria de Educação do Estado (Seduc) diz respeito à reposição dos descontos dos dias parados no salário dos professores. Contudo, não há data para isso ocorrer. Para o sindicato, deve ficar claro quando isso será feito.

Segundo a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), diante das tentativas de negociação e da intransigência do sindicato, as determinações judiciais serão postas em prática a partir de segunda-feira (9).

O Sinproesemma informou que vai pedir uma nova proposta, desta vez com datas e prazo, à Seduc. Outras assembleias serão feitas em municípios do interior do Estado até a próxima semana.

Depois da assembleia, que foi realizada no Convento das Mercês, os professores fizeram passeata pela rua das Cajazeiras, no Centro, e montaram acampamento em frente À Seduc.

8 comentários:

  1. Anônimo14:56

    Carlos, fiquei sabendo por um colega que as ordens da Seduc é que nós professores grevistas teremos que dar vinte horas semanais de aula. Dividido da seguinte forma: 4 dias da semana,cinco horários em uma mesma turma. Isso é possível? A seduc pode acabar com as nossas horas de planejamento?

    Maria

    ResponderExcluir
  2. Meu grande companheiro, estou sentindo falta das suas aulas aqui em nossa querida Tuntum. Adicionei seu Blog ao Tuntum News. Um grande abraço, a luta continua...

    ResponderExcluir
  3. Com esse tipo de TRATAMENTO que o governo usa em relação a classe dos professores, só me leva cada vez mais a pensar em outra profissão...(ProfºEsp Lúcio Hélio O. Silva)(

    ResponderExcluir
  4. É importante esclarecermos a sociedade que nós educadores somos umas das poucas categorias existente no Maranhão que luta por um Estado melhor. O Maranhão vive sua maior escuridão, e a luta dos professores é a luz no fim do tunel na tentativa de se lutar por um estado mais justo. Os nossos índices são´sempre os piores, somos o segundo estado mais pobre do Brasil, e me pergunto, a culpa é dos professores? Não, a culpa é do Governo, que demostra que saúde não é prioridade, assim, com não é as questões da pobreza, da educação,do desenvolvimento econômico, da distribuição de renda, e muitas outras situações.
    Precisamos sim, unir forças e levantar a BANDEIRA por um ESTADO MAIS JUSTO e PARA TODOS.
    PROFESSORES, NOSSA LUTA CONTINUA E PRECISAMOS DA PARTICIPAÇÃO DE TODA A SOCIEDADE.
    Carlos, não esqueçe de deixar as notas no blog sobre a segunda feira, convidando todos....professores, alunos, pais de alunos...etc.
    Abração companheiro

    ResponderExcluir
  5. É importante esclarecermos a sociedade que nós educadores somos umas das poucas categorias existente no Maranhão que luta por um Estado melhor. O Maranhão vive sua maior escuridão, e a luta dos professores é a luz no fim do tunel, na tentativa de se lutar por um estado mais justo. Os nossos índices são´sempre os piores, somos o segundo estado mais pobre do Brasil, e me pergunto, a culpa é dos professores? Não, a culpa é do Governo, que demostra que saúde não é prioridade, assim, como não é as questões da pobreza, da educação,do desenvolvimento econômico, da distribuição de renda, e muitas outras situações.
    Precisamos sim, unir forças e levantar a BANDEIRA por um ESTADO MAIS JUSTO e PARA TODOS.
    PROFESSORES, NOSSA LUTA CONTINUA E PRECISAMOS DA PARTICIPAÇÃO DE TODA A SOCIEDADE.
    Carlos, não esqueçe de deixar as notas no blog sobre a segunda feira, convidando todos....professores, alunos, pais de alunos...etc.
    Abração companheiro

    ResponderExcluir
  6. Anônimo09:59

    Professores, os técnicos da URE estão sendo obrigados, coagidos pelo Sr. Agostinho e Sra. Wilma a irem para a sala no lugar dos professores. Ficamos sabendo que está havendo uma situação de humilhação dentro da Secretaria com os professores que ali estão como técnicos. São pais e mães de familia, profissionais concursados. Autoridades tenham o minimo de respeito, vocês não são da rede estadual, estão...

    Professora Oneide

    ResponderExcluir
  7. Estou cada vez mais extremamente cansada com tantos hipócritas que dizem comandar a educação desse estado. Nós professores estamos cansados de tanta falta de consciência de nossos dirigentes do poder executivo, do legislativo e infelizmente do judiciário!!! Assim estamos!!! SERÁ QUE ESSES DIRIGENTES NÃO PERCEBEM QUE ESTÃO PERDENDO A OPORTUNIDADE DE FAZER O MELHOR PELO ESTADO!!! NÃO É MELHOR SER RECONHECIDO POR FAZER BEM FEITO E EM PROL DE TODA UMA COMUNIDADE!!! ASSINAR O ESTATUTO POR EXEMPLO!!!!!

    Professora Carmen Sandra de Macêdo

    ResponderExcluir

Fique à vontade e seja bem vindo ao debate!