03/05/2011

Professores acamparão na Diretoria Regional de Educação em Imperatriz

Em assembleia realizada hoje,03, na sede do Simproesemma em Imperatriz, os professores que estão em greve a mais de 60 dias discutiram formas de radicalizar o movimento na segunda maior cidade do Estado, em resposta ao descaso do governo que se nega a elaborar uma proposta decente para por fim à greve.

O espírito é de revolta diante de um governo que trata educadores como lixo, zomba da capacidade crítica da população e tenta vencer e humilhar os grevistas com táticas de cansaço. Diante disso, por unanimidade decidiu-se por radicalizar o movimento ocupando de forma pacífica e acampando na Diretoria Regional de Educação a partir de amanhã.


Na reunião de ontem,02, o governo teve a oportunidade de resolver a situação, mas simplismente não aceitou nenhuma proposta do sindicato e nem se quer apresentou uma.






















4 comentários:

  1. Caro amigo, nós do GD, assim, como vários outros blogs pelo Maranhão afora, estamos sob a ameaça dos corruptos de plantão, nós como os guerreiros de Icatu, estamos sob a mira da Câmara de vereadores, que só são inertes na hora de fazer o bem ao povo, mas, que na hora de querer perseguir e ameaçar estão mais atentos que nunca…Os ilustres vereadores da cidade querem nos calar, com toda sorte de ameaças possíveis, fazem tudo, menos investigar as sérias denuncias que fazemos contra a má gestão na cidade…Eita Maranhão que afunda a cada dia mais…
    Veja as ameaças: http://gd-ma.com/2011/05/04/todo-poder-emana-do-povo-e-em-seu-nome/

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Guerreiros! Estou aqui no acampamento em São Luís, firme e na LUTA. Professor Creves

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Guerreiros! Estou aqui no acampamento em São Luís, firme e na LUTA. Professor Creves

    ResponderExcluir
  4. Anônimo23:09

    Caros Professores, me dá orgulho em ver uma luta tão legitima e justa como esta. O proprio Paulo Freire fala que os professores além de educar os alunos também é dever dos mesmos ensinar os governantes a respeitar o povo que numa democracia deva ser vista e respeitada como a fonte legitimadora de todo o poder.

    ResponderExcluir

Fique à vontade e seja bem vindo ao debate!